A MELHOR COXA DE FRANGO DO MUNDO! GENTE, DEPOIS QUE APRENDI A FAZER ESSA RECEITA NUNCA MAIS QUIS SABER DE OUTRO FRANGO!

Postado por , no dia 06 de junho de 2020 em Sem categoria
Captura de Tela 2020-06-06 às 15.38.49

Modo de Preparo

Quem não  gosta de um franguinho bem torradinho, bem temperado e muito gostoso? Aprenda a fazer esse delicioso frango frito crocante, seus amigos e familiares vão adorar!

Primeiramente, 1 kg de frango cortado à passarinho, ou pedaços de peito, coxa, sobrecoxa (como preferir). Lave e limpe bem os pedaços de frango. Pode ser com ou sem pele, fica à gosto. Reservar.

Salmoura (para deixar o frango macio e temperado):

Misturar 1/2 copo de iogurte sem sabor a 1/2 de leite integral, deixe descansar por 10 minutos e reserve.

À parte, em uma vasilha plástica redonda e com tampa, coloque:
4 colheres (sopa) de sal (não é muito, é para ficar de molho e depois será descartado)
1 colher (chá) de açúcar mascavo
ervas frescas e alho picado à gosto
pimenta moída
4 xícaras de água morna
a mistura de iogurte e leite

Misture bem e coloque os pedaços de frango nessa solução, virando por todos os lados. Cubra e leve à geladeira durante algumas horas, no máximo de um dia para o outro. Depois de descansar, retire o frango da geladeira e passe nessa cobertura.

Cobertura:

2 xícaras de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
Pimenta do reino e páprica à gosto
alho e cebola em pó
1 xícara de farinha de rosca ou Panko (farinha japonesa mais grossa)

Passe os pedaços de frango nessa mistura, chacoalhe para retirar o excesso. Use uma tigela grande, passando os dois lados das peças sobre a farinha temperada. Tampe e leve à geladeira por 8 horas ou de um dia para o outro.

Como fritar: 

Você pode fritar o frango por imersão,  a gordura tem que ficar a uma altura que cubra pelo menos a metade dos pedaços para garantir que frite bem dos dois lados. De qualquer maneira, use pinças para virá-los algumas vezes durante o processo. Não encha muito a frigideira. É preciso que o óleo cerque cada peça, mas não tanto a ponto de espirrar para todo lado e fazer uma bagunça.

O importante é: o óleo não pode permanecer muito quente demais o tempo todo para não queimar o exterior do frango antes de cozinhar a carne, nem muito frio para deixar o frango encharcado. Então, sempre se certifique o óleo antes de adicionar uma nova leva de pedaços de frango. Se corar muito rápido, abaixe o fogo. Se está demorando muito para fritar, aumente o fogo. É um teste de paciência que vai te dar experiência…

A panela

Você vai precisar de uma frigideira larga e pesada com tampa. A de ferro fundido é a melhor porque gera e retém o calor de maneira uniforme. Ela deve ter de 28 a 30 cm de diâmetro e ser funda o bastante para deixar um espaço de pelo menos uns 2,5 cm acima da superfície, mesmo depois de cheia, para evitar que o óleo espirre.

A gordura

Alguns usam banha; outros, óleo ou uma combinação dos dois. O importante é usar um que tenha ponto de fumaça alto, ou seja, que pode ser aquecido a altas temperaturas sem queimar. Prefira o óleo de amendoim, canola ou soja.

Depois de tirar o frango da frigideira, deixe descansar um pouco antes de servir. Muita gente coloca sobre um saco ou toalha de papel, mas isso pode deixar a pele encharcada. Uma boa técnica é pôr os pedaços de frango em uma grade disposta sobre uma assadeira e polvilhar com um tiquinho de sal para destacar o sabor.

Uma boa dica é: depois de morno, coloque numa assadeira e leve ao forno a 180 graus por 10 a 15 minutos. Vai ficar mais sequinho e macio. Sirva com um molho de sua preferência.

 

Ingredientes
  • .
Imprimir ou Salvar
Esta Receita
Envie pelo
Whatsapp
Comente nesta receita

Busca

Novidades

Área de Assinantes

Meu Livro de Receitas
Faça o seu login abaixo para listar suas receitas

Esqueci minha senha
Quero me registrar

Categorias

Curta no Facebook

-->